Foi bem mais tenso do que se esperava, mas o São Paulo avançou para as quartas de final da Copa do Brasil. Depois de vencer o Sport fora de casa por 2 a 0 no jogo de ida, o Tricolor foi derrotado pelos pernambucanos no Morumbi por 3 a 1, o que levou a decisão da vaga para os pênaltis. Nas cobranças, Rafael defendeu a cobrança de Juba, a única desperdiçada.

São Paulo e Sport fizeram um primeiro tempo equilibrado no Morumbi. Em desvantagem por ter perdido em casa por 2 a 0, os visitantes tentaram pressionar o São Paulo, o que também abriu espaços para os anfitriões. Os tricolores saíram na frente com um golaço: após erro da defesa do Sport, Michel Araújo tabelou com Luciano e fez um golaço. Os pernambucanos não desistiram e continuaram em cima do São Paulo. No fim do primeiro tempo, Alisson Cassiano pegou um rebote na pequena área e empatou.

O empate no fim do primeiro tempo empurrou o Sport para o improvável. Em dois lances muito parecidos, um no começo e outro no fim da etapa final, Sabino marcou duas vezes e levou a decisão para os pênaltis. Os gols saíram de escanteio, ambos batidos do lado esquerdo e com o zagueiro desviando no primeiro pau.

Herói tricolor
Rafael fez mais uma boa partida pelo São Paulo e consolidou sua posição de titular incontestável da equipe nos pênaltis ao defender a cobrança de Juba.

– Não precisava dar esse susto, não gostaríamos de ter decidido nos pênaltis, gostaríamos de ter ganhado. O mais importante é o que passamos, mas feliz por ter ajudado mais uma vez. Seguimos – disse ele depois da partida.

Fonte: globo.com
Foto: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *