O músico Roberto de Carvalho relembrou a cantora Rita Lee em uma publicação feita através do Instagram nesta quinta-feira, 11. O compositor compartilhou uma foto em que Rita aparece com os cabelos vermelhos em frente a um mural de fotos. “Saudade dilacerante, meu amor”, escreveu Roberto.

Ele recebeu apoio de amigos e do filho, João Lee, nos comentários da postagem. “Meu abraço do tamanho dos abraços que recebi da Rita várias vezes. Te admiro mais ainda depois de observar teu respeito na vida e na ida do amor de tua vida”, escreveu o apresentador Serginho Groisman.

Manu Gavassi, que homenageou Rita ao escolher cantar o disco Fruto Proibido em um Acústico MTV e no Festival GRLS!, demonstrou “carinho e respeito” pelo músico. “O amor de vocês é inspirador, Roberto”, declarou.

João Lee prometeu cuidar do pai ao lado dos irmãos, Beto e Antônio Lee. “Eu vou cuidar de você. Todos nós vamos. Com muito amor e carinho”, disse. Roberto de Carvalho e Rita Lee se conheceram em 1976 por intermédio do cantor Ney Matogrosso.

Em 2020, eles se entrevistaram mutualmente em uma matéria exclusiva feita pelo Estadão. Quando perguntado pela cantora o motivo de “aguentar”, segundo ela mesma, “uma mulher esquisita, ex-presidiária, ex-AA (Alcoólicos Anônimos), ex-NA (Narcóticos Anônimos), que não sabe cozinhar, cinco anos mais velha, sem peito, sem bunda e fumante”, Roberto brincou que era “teleguiado pela paixonite” nos anos em que viveram juntos.

“Só consigo visualizar a antítese do que está nesta confissão. Quando você se declara esquisita, vejo original e genial. Ex-presidiária por injustiça, vítima da repressão. Não precisa cozinhar, eu cozinho pra você. Os peitos amamentaram nossos 3 filhos. Cinco anos mais velha, não, mais antiga, e você sabe o quanto eu adoro antiguidades. Tenho Vênus em Capricórnio, que sempre vai me ajudar a relevar essa sua Lua em Virgem que vejo se manifestando aí na confissão. E quanto aos AA e NA, well, “shit happens to everyone!” (merda acontece com todo mundo!)”, declarou.

Rita morreu na última segunda-feira, 8, em casa, aos 75 anos. O corpo dela foi velado em uma cerimônia aberta aos fãs na última quarta-feira, 10, no Planetário do Parque Ibirapuera.

Fonte: terra.com.br
Foto: Reprodução/Rede social

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *