O pré-candidato a governador do PT, Rafael Fonteles, participou na noite de ontem (quinta-feira-26) de mais um encontro do “Time do Povo” em Teresina, dessa vez organizado pelo deputado estadual e pré-candidato à reeleição, Francisco Limma (PT), que reuniu lideranças de todas as zonas da capital e do interior no auditório da Tupperware, na avenida Frei Serafim.

O encontro teve um formato diferente, os dois pré-candidatos responderam perguntas que internautas fizeram, sobre o plano de governo e projetos, nas redes sociais do deputado Francisco Limma. Na oportunidade, Rafael Fonteles foi questionado sobre as ações voltadas para área da segurança e juventude.

Em relação à segurança, o ex-secretário de Fazenda destacou que é uma área prioritária e de grandes desafios, considerando, principalmente essa insegurança vivida pela população por conta da guerra de facções, que há cinco anos nem existia. Ele ainda destacou que uma das medidas importantes para combater a criminalidade foi a convocação de 1000 policiais que passaram no último concurso do Estado.

“Além do aumento do efetivo, queremos que esses policiais sejam aproveitados para reforçar a Polícia Comunitária, que está mais próxima do cidadão e atua na prevenção da criminalidade. E também apostamos na experiência positiva dos Centros Integrados de Promoção da Paz, que desenvolvem políticas públicas para crianças e jovens, oferecendo educação profissional, cultura, esporte e lazer no mesmo espaço”, destaca Rafael. Ele acrescentou que essa experiência é bastante exitosa em lugares com índices altíssimos de violência, como Belém, Recife e até na Colômbia.

O pré-candidato a governador do PT ainda frisou, que além de valorizar a polícia comunitária e integrada, ainda quer fortalecer a inteligência da Polícia Civil, que inclusive atua no combate diário de organizações criminosas. Ele ressaltou ainda que pretende buscar o apoio de outras instituições, inclusive de outros poderes, a exemplo do Judiciário, para que seja firmado um “Pacto pela Vida”. “Se somos o Estado mais seguro do Nordeste, podemos trabalhar para ser o Estado mais seguro do Brasil, fazendo um verdadeiro pacto pela vida”, defendeu Fonteles.

No evento, o pré-candidato a deputado estadual, Francisco Limma (PT), acrescentou que o Piauí tem como outro grande desafio torna-se um Estado produtivo, que gere mais emprego e renda.-

“Eu acredito que só é possível ter um Piauí mais produtivo e sustentável se valorizarmos a agricultura familiar. Temos hoje mais de 1 milhão e 300 mil pessoas que vivem da agricultura familiar, portanto, que dependem do incentivo do Estado para se desenvolver. E eu acredito que a jovialidade, a experiência, a capacidade e a competência de Rafael Fonteles podem ajudar o Piauí a despontar como um Estado que vai crescer economicamente e possibilitar melhor geração de renda e distribuição de riqueza”, ressaltou Limma.

O deputado estadual Francisco Costa (PT) também ressaltou a experiência que Rafael Fonteles teve enquanto gestor das finanças estaduais. “Ele tem essa vocação de querer cuidar das pessoas, viabilizou as condições para que as coisas acontecessem na saúde, na educação, na agricultura família, enfim, em todas as áreas do Governo. Essa organização do Estado é fruto do trabalho de Rafael Fonteles, que pode contribuir para gerar mais emprego e oportunidades para o povo do nosso Estado”, afirmou Francisco Costa.

Além das lideranças comunitárias, o encontrou reuniu representantes da agricultura familiar, a exemplo da líder do Movimento dos Pequenos Agricultores, Maria Cazé, e ainda lideranças de outros municípios: União, Nazária, São João do Arraial, Campo Maior, Marcolândia, Sigefredo Pacheco, etc.

Fonte: Ascom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *