O prefeito Floresta do Piauí, Amilton Rodrigues, ex-PTB, e o prefeito de Campo Alegre do Fidalgo, Israel da Mata, ex-PTB, assinaram nesta quinta-feira (12) ficha de filiação ao Partido dos Trabalhadores (PT) na sede do partido. Estavam presente à solenidade o ex-governador do Piauí e pré-candidato ao Senado, Wellington Dias, o presidente do PT, João de Deus.

O pré-candidato Rafael Fonteles avaliou que o movimento de adesão dos prefeitos se dá devido ao fato de que os partidos de origem dos prefeitos se alinhou nacionalmente com o presidente Jair Bolsonaro (PL).

“É um movimento de adesão de lideranças, vereadores e lideranças que se somam a base aliada do time do povo e da esperança. Eles estavam em partidos que se alinharam nacionalmente ao presidente da República e, portanto, querem continuar sintonizados com a população e fortalecem o nosso campo político e nossa caminhada, que é longa, mas logo no início já tem recebido importantes adesões”, destacou.

O ex-governador Wellington Dias comemorou a chegada de novos líderes ao partido.

“Eu comemoro pela responsabilidade que nós, Partido dos Trabalhadores, temos de receber esses novos líderes e também por aumentar o nosso compromisso de trabalhar porque são líderes que, com certeza, em seus partidos tinham uma relação de confiança com o povo. A filiação desses líderes significa a filiação de outros líderes ligados a eles em cada um dos municípios”, explicou Wellington Dias.

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *