Conecte-se conosco

Cidades

Porto das Barcas ganha museu que homenageia um dos maiores dramaturgos do país

Publicado

em

Porto das Barcas ganha museu que homenageia um dos maiores dramaturgos do país

Benjamim Santos, 81 anos, parnaibano, autor de 11 peças infantis. Considerado um dos maiores dramaturgos do Brasil, ele vai dar nome ao teatro construído no Museu do Mar, no Porto das Barcas, em Parnaíba. O complexo arquitetônico do Porto das Barcas ganha a maior reforma da sua história, que deve ser concluída na primeira quinzena de abril. Benjamim, que hoje vive em Parnaíba, onde continua com a carreira de escritor, conheceu o teatro de 40 lugares que o homenageia.

“Desde menino que escrevo e faço teatro. Fiz teatro em Recife, Rio de Janeiro e na Parnaíba. Conheci muitos teatros que homenageiam personalidades como José de Alencar e Carlos Gomes, e agora recebo com espanto e alegria a notícia de que o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) e do secretário Fábio Novo, iria dar meu nome a um novo teatro, no Porto das Barcas. Valeu, Piauí!”, diz Benjamim.

O teatro Benjamim Santos é o 14º entregue na gestão do secretário Fábio Novo à frente da Secretaria de Estado da Cultura. “É mais um teatro entregue no Piauí. Ele conta com moderno sistema de som e luz, é climatizado, possui camarins e vai poder abrigar pequenos espetáculos e palestras no Museu do Mar, em Parnaíba. É uma alegria poder homenagear um grande dramaturgo, que voltou para sua terra natal e continua produzindo com muito talento. As obras do Porto das Barcas estão na fase de conclusão e esperamos entregar o espaço na primeira quinzena de abril”, afirma Fábio Novo.

Entre os teatros já entregues pelo Piauí, há o Teatro Alard, em Bom Jesus; o Teatro do Centro Cultural Benjamin José Nogueira, em Corrente; o Teatro do Memorial Expedito Resende, em Piripiri, dentre outros. “Em Parnaíba, ajudamos na conclusão do Teatro Saraiva, o segundo maior do estado, com 350 lugares. Reformamos ainda o Teatro Maria Bonita, em Floriano, e o Cineteatro de Oeiras. No segundo semestre deste ano queremos entregar o teatro de Picos”, completa o secretário.

Porto das Barcas ganha museu que homenageia um dos maiores dramaturgos do país
Benjamin Santos, escritor

História
Benjamim Santos nasceu na cidade de Parnaíba-PI. Na década de 1960 mudou-se para Recife, onde estudou na Faculdade de Direito e Filosofia, o Seminário de Olinda. De volta ao Recife, fundou o Grupo Construção, trabalhou no Teatro Popular do Nordeste, grupo dirigido pelo encenador Hermilo Borba Filho, e fundou o Teatro de Arribação, que levava espetáculos aos engenhos de cana-de-açúcar.

Durante cinco anos manteve uma coluna de teatro no Jornal do Commercio, no Recife (PE). A partir dos anos 70, residindo no Rio de Janeiro, além do teatro infantil, destacou-se como autor de grandes espetáculos ao ar livre, como Paixão de Cristo, nos Arcos da Lapa, e sobretudo como diretor de shows de música popular, tendo dirigido Quarteto em Cy, Nara Leão, Kleiton e Kledir, Ângela Maria, MPB-4, Marlene e muitos outros.

Atualmente, Benjamim Santos vive em Parnaíba e continua a carreira de escritor.

Porto das Barcas
A obra de recuperação de todo o complexo é a maior em execução no Nordeste. O local ganhou novos projetos de iluminação e sinalização, que além de valorizar a arquitetura, também facilita a orientação e visitação turística.

Dentre os destaques, o local vai ganhar um píer para voltar a ter embarcações saindo em direção a destinos turísticos da área. Além disso, o complexo vai ganhar o Museu do Mar, que vai ser o maior museu do Piauí, criado para comportar um acervo baseado em pesquisas sobre a região. Entre as peças, está a ossada de um peixe-boi e um esqueleto de baleia cachalote, que possui 16 metros de extensão

Fonte: CCOM

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Banca de Jornal

Propaganda