O Grupo Especial de Polícia Marítima (GEPOM) da Polícia Federal no Piauí e o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) realizaram a apreensão de petrechos de pesca, como redinhas (redes de arrasto com malhas inferiores a 2 cm) e uma rede de zangaria de 230 braças no Delta do Parnaíba

O GEPOM deflagrou nesta quinta-feira (1), a Operação Liberum Terra V, com o objetivo de coibir práticas predatórias de pesca vedadas pelo Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental – APA do Delta do Parnaíba.

Durante a ronda, foram apreendidas redes de pescas lançadas ilegalmente na região. Também foram realizadas fiscalizações no povoado do Arpoador com a finalidade de verificar a regularidade acerca dos licenciamentos ambientais de pousadas daquela região.

Até a última atualização desta matéria, os suspeitos não foram localizados.



Com informações da Ascom
Foto: Divulgação/PF

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *