A Polícia Civil, por meio do Departamento Geral de Operações (DGO), da Polícia Militar, com o apoio do Departamento de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (DRACO), prendeu neste sábado (25) Francisco Jefferson da Silvia, vulgo “Anjo da Morte”, acusado de balear o filho do presidente do TJ-PI, o advogado André Mendonça Sousa e Silva, na madrugada do último dia 22, em Parnaíba, no Norte do Piauí.

O secretário de Segurança do Piauí, Chico Lucas, confirmou pelas redes sociais a prisão do acusado de atirar no advogado André de Almeida.

“A operação foi pessoalmente comandada pelo Coronel Jacks Galvão, Diretor Geral de Operações da Polícia Militar do Piauí, dos Delegados Wilames Pinheiro, Del Regional, e Perikles da Fonseca Lima, do DRACO de Parnaíba, que juntos a outros valorosos policiais apresentaram mais uma resposta rápida a um crime no nosso Estado”, destacou.

O preso foi localizado Parque Jardim Vitória na cidade de Parnaíba, onde também foi cumprido mandado de prisão contra sua esposa, Suzana do Nascimento Gomes, pela Força Tarefa de Segurança Pública de Parnaíba, que combate às facções criminosas que atuam no litoral do Estado. No momento do cumprimento dos mandados de prisão foram apreendidos a arma utilizada no crime contra o advogado, um veículo com registro de roubo e furto e aparelhos celulares.

Francisco Jefferson da Silvia é integrante da facção Comando Vermelho e a suspeita era que ele havia fugido para o Estado do Ceará. O crime ocorreu após uma discussão entre os dois no banheiro de um quiosque na Avenida São Sebastião, em Parnaíba, por motivos ainda desconhecidos.

A operação foi comandada pelo Coronel Jacks Galvão, Diretor Geral de Operações da PM-PI, dos Delegados Wilames Pinheiro, da Delegacia Regional, e Perikles da Fonseca Lima, do DRACO de Parnaíba, e contou com atuação de valorosos policiais que apresentaram mais uma resposta rápida a um crime no Estado.

Da Redação
Foto: Divulgação/PC-PI

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *