Conecte-se conosco

    Brasil

    PL aciona TSE contra organização do Lollapalooza por manifestações pró-Lula

    Publicado

    em

    PL aciona TSE contra organização do Lollapalooza por manifestações pró-Lula

    O PL, partido do presidente Jair Bolsonaro, acionou o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra a organização do festival Lollapalooza por suposta propaganda eleitoral irregular em prol do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

    O festival de música começou na sexta-feira (25), em São Paulo, e vai até este domingo (27).

    Na representação, o PL pede que o TSE determine, cautelarmente:

    que a organização do Lollapalooza impeça a realização de qualquer tipo de propaganda eleitoral irregular antecipada ou negativa em favor ou desfavor de qualquer candidato, sob pena de multa; e
    em caso de descumprimento, que a Justiça Eleitoral, em poder de polícia, impeça a continuação do evento.
    O pedido do PL foi apresentado neste sábado (26) ao TSE. Ainda não houve decisão.

    Argumentos
    Segundo os advogados do partido, durante as primeiras apresentações, os artistas Pablo Vittar e Marina se manifestaram a favor de Lula e contra Bolsonaro, o que, afirmam, configuraria uma propaganda eleitoral antecipada, o que não é permitido por lei.

    “A manifestação política realizada em evento de responsabilidade da representada fere inúmeros dispositivos legais, conforme restará demonstrado, razão pela qual se faz imperiosa a intervenção desta Especializada”, afirmam os advogados do PL.

    Eles argumentam que a suposta propaganda irregular foi levada ao conhecimento de número “altíssimo” de eleitores, o que justificaria uma decisão cautelar (urgente).

    Fonte: R7.com

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular