Conecte-se conosco

    Economia

    Petrobras anuncia redução de 5% no preço do gás natural

    Publicado

    em

    Petrobras anuncia redução de 5% no preço do gás natural

    A Petrobras anunciou, nesta 2ª feira (10.out.2022), a redução de 5% no preço de venda do gás natural às distribuidoras a partir de 1º de novembro. Os reajustes no gás são trimestrais e estão vinculados ao preço do barril de petróleo e à variação cambial.

    A redução será em relação ao valor negociado no trimestre agosto, setembro e outubro. Nesse período, o petróleo do tipo Brent caiu 11,5% e o real se desvalorizou 6,5%. O preço atualizado terá vigência até 31 de janeiro de 2023.

    O preço do gás ao consumidor final também depende da margem de lucro das distribuidoras e dos impostos federais e estaduais. No caso das distribuidoras de gás encanado, os preços ao consumidor são definidos pelas agências estaduais de regulação.

    Para o GNV (gás natural veicular), a margem dos postos de revenda também compõe o preço final.

    Em nota, a Petrobras afirmou que “a atualização trimestral do preço do gás natural e anual para o transporte do produto permite atenuar volatilidades momentâneas e aliviar, no preço final, o impacto de oscilações bruscas e pontuais no mercado externo, assegurando, desta forma, previsibilidade e transparência aos clientes”.

    A Petrobras não costumava anunciar reajustes periódicos previstos em contratos –caso do gás natural, QAV (querosene de aviação) e gasolina de aviação– mas começou a fazê-lo na gestão de Caio Paes de Andrade como presidente da estatal. Indicado pelo ministro Paulo Guedes (Economia), Paes de Andrade assumiu em 28 de junho. Desde então, a Petrobras só ficou sem anunciar redução no preço de combustíveis em 5 semanas.

    Fonte: Poder360

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular