Conecte-se conosco

Cidades

Motoristas e cobradores de ônibus paralisam atividades em Teresina

Publicado

em

Motoristas e cobradores de ônibus das empresas Emtracol, Transfácil e Taguatur fizeram nesta segunda-feira (11) uma paralisação. A categoria afirma tiveram descontos no salário de cerca de R$ 400, além da demissão em massa de profissionais, plano de saúde e ticket alimentação.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Rodoviários do Piauí (Sintetro), Ajuri Dias, o movimento é uma iniciativa individual e a classe não aceitou o envolvimento do sindicato nesse assunto.

“Essa é uma iniciativa individual, onde eles não permitiram o envolvimento do Sintetro nessa questão. A alegação deles é a questão ainda do nosso dissídio coletivo do ano passado que o Tribunal Regional do Trabalho ainda não julgou, além do impasse na negociação de 2021, onde já tivemos duas reuniões e não houve consenso”, disse Ajuri.

O Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (Setut) afirmou que não responde por questões individuais.

Da Redação
Foto: Rede social