Pioneira na contratação de pessoas com deficiência, a Arcos Dorados, franquia que opera a rede McDonald’s em 20 países da América Latina e Caribe, celebra o Dia Internacional da Síndrome de Down (21/3) e reforça a importância de estimular a inclusão dessas pessoas em todos os âmbitos da sociedade, principalmente no mercado de trabalho, com igualdade de direitos e oportunidades. Consciente do potencial que tem para impactar positivamente a vida de milhares de pessoas, a companhia tem como uma de suas prioridades, não só a empregabilidade de pessoas com deficiência, mas o acolhimento, capacitação e desenvolvimento da carreira desses profissionais.

Atualmente são mais de 1.800 funcionários com diferentes tipos e graus de deficiência no quadro de colaboradores do Brasil, sendo que 72% têm deficiência intelectual. Desses, 55 colaboradores têm síndrome de down e estão construindo uma jornada positiva junto à companhia, se desenvolvendo profissionalmente e pessoalmente e alcançando transformações positivas em suas vidas. Esse resultado é possível pois a companhia opera sob a filosofia Cooltura de Serviço, que incentiva que cada indivíduo se sinta à vontade para se expressar conforme se identifique e se sinta bem, gerando bons momentos sendo quem são em um ambiente de trabalho seguro e respeitoso, assim, alcançando seu máximo potencial. Para que isso aconteça, a empresa não mede esforços e discute modelos efetivos de trabalho, criando oportunidades para as pessoas com deficiência, capacitando-as e sendo um agente facilitador nesse processo para que elas possam se desenvolver e descobrir suas habilidades.

Desde o início do processo seletivo, as pessoas com deficiência recebem um olhar individualizado. Para isso, a companhia dispõe de uma equipe de profissionais dedicados à captação, contratação e acompanhamento dessas pessoas, que contempla gestores de inclusão, médicos do trabalho, enfermeiros e gerentes selecionadores, além de oferecer treinamento adaptado à condição de cada um, sem limite no tempo de aprendizagem. Além disso, por meio do programa Inclusão Além da Cota, a Arcos Dorados busca criar posições de trabalho e ampliar as oportunidades de desenvolvimento para pessoas com deficiência, além de contemplar uma série de ações afirmativas para ampliar a experiência desses profissionais na empresa.

Jornada de sucesso
A experiência com pessoas com deficiência integrando os times de funcionários nos restaurantes da rede tem sido extremamente bem-sucedida. A marca coleciona verdadeiros cases de sucesso e belíssimas histórias de vida, de transformação e de carreiras construídas por esses colaboradores ao longo dos anos trabalhando na rede.

Em Teresina, no Piauí, por exemplo, a Arcos Dorados contribuiu para o amadurecimento profissional e pessoal de Francisco Gomes de Sousa Neto. Com 46 anos, chamado carinhosamente de Chiquinho, ele trabalha como Atendente no McDonald’s do Teresina Shopping desde 2008. Foi o primeiro e único trabalho dele, que na ocasião da contratação, estudava na APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) e foi selecionado pelo Gerente do restaurante que buscou na instituição um colaborador com Síndrome de Down.

Chiquinho, que realizou seu sonho de trabalhar em restaurante, adora o que faz, é super dedicado, tem vários amigos na unidade e com seu salário, ajuda no sustento da família. A mãe, Teresinha de Jesus Veras Lemos, conta orgulhosa que seu filho adora trabalhar no McDonald’s, principalmente no salão com a organização das mesas.

“Meu filho é muito carinhoso, todos gostam dele. Estamos muito realizados pela oportunidade e por vê-lo feliz”, comenta.

Fonte: Ascom
Foto: Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *