Conecte-se conosco

    Internacional

    Liz Truss é eleita primeira-ministra do Reino Unido

    Publicado

    em

    Liz Truss é eleita primeira-ministra do Reino Unido

    Os filiados do Partido Conservador elegeram nesta 2ª feira (5.set.2022) Elizabeth Truss como nova primeira-ministra do Reino Unido. Ela recebeu 81.326 votos (57,4%) contra 60.399 de Rishi Sunak (42,6%) —o ex-ministro das Finanças, e seu adversário na última rodada de votações.

    Liz Truss sucede Boris Johnson, que deixa o governo depois de renunciar em 7 de julho. Ela foi ministra de Relações Exteriores do Reino Unido e ministra da Mulher. É a 3ª premiê mulher da história do Reino Unido, depois de Margaret Thatcher e Theresa May, ambas também do Partido Conservador.

    Só filiados ao Partido Conservador puderam votar em todo o processo de escolha do novo primeiro-ministro. Dos 172 mil eleitores elegíveis, a participação foi de 82,6%. Essa foi a vitória mais apertada dentre do partido desde a mudança na regra para a votação de 1998. Neste ano, cada filiado passou a ter direito a 1 voto.

    Em seu discurso, Truss afirmou que fez a campanha para a escolha do novo premiê como “conservadora” e governará “como uma conservadora”. Disse ainda que entregará “um plano ousado para cortar impostos” e fazer a economia britânica crescer.

    “Vou responder à crise energética, lidando com as contas de energia das pessoas, mas também lidando com as questões de longo prazo que temos sobre o fornecimento de energia”, disse.

    Um dos desafios da nova líder britânica será conter o preço médio das contas de energia residencial no Reino Unido.

    Segundo dados da consultoria Auxilione, o preço médio das contas de eletricidade e gás somados deve aumentar de £1.970 em abril de 2022 para £3.576 até o início de outubro do mesmo ano- alta de 87.06%. Em janeiro de 2023, este valor deve chegar a mais de £4.704.

    Em seu discurso desta 2ª feira (5.set), Truss cumprimentou seu rival na disputa, Rishi Sunak, e agradeceu o ex-premiê Boris Johnson. “Boris você conseguiu fazer o Brexit. Você esmagou Jeremy Corbyn [líder da oposição no Parlamento britânico]. Você lançou a vacina. E você enfrentou Vladimir Putin. Você foi admirado de Kiev [capital da Ucrânia] a Carlisle [cidade no norte da Inglaterra]“, disse.

    Afirmou ainda que as crenças do partido estão “na liberdade, na capacidade de controlar sua própria vida, nos impostos baixos e na responsabilidade pessoal”. Segundo a conservadora, é por isso que o Partido Conservador britânico ganhou em 2019. “Como líder do partido eu pretendo entregar o que prometemos”, disse.

    A nova primeira-ministra deve assumir o cargo na 3ª feira (6.set), quando tem um encontro marcado com a rainha Elizabeth 2ª no castelo de Balmoral, na Escócia. Boris Johnson deve entregar oficialmente sua carta de demissão na Escócia nesta 2ª feira (5.set).

    Em seu perfil no Twitter, Johnson parabenizou Truss. “Eu sei que ela tem o plano certo para enfrentar a crise do custo de vida, unir nosso partido e continuar o grande trabalho de unir e elevar nosso país. Agora é a hora de todos os conservadores apoiá-la 100%”, disse.

    Fonte: Poder360

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular