O jornalista e escritor Toni Rodrigues lançará no dia 15 de junho mais um livro de sua autoria. Trata-se de “Coração Selvagem”, um romance policial ambientado nos anos 80, em Teresina, e que trata sobre o tema do deficiente físico frente à criminalidade, dentre outros assuntos de relevância para a época.

O livro resgata a história de um jovem empresário chamado Teotônio Camargo que aos 16 anos foi vítima de um disparo por arma de fogo no exato instante em que, alucinadamente, perseguia, pelas ruas da capital piauiense, um homicida passional. O tiro traiçoeiro o atinge nas costas e o condena a passar o resto da vida em uma cadeira de rodas.

Ele, que era quase um delinquente juvenil, é repudiado por amigos e familiares em sua nova condição de pessoa com deficiência. Mas, de repente, por um desses formidáveis acasos do destino, transforma-se em herdeiro de uma fortuna incalculável. E passa a ser assediado por todos que antes queriam distância.

Téo, como é mais conhecido, poderia viver em plenitude e tranquilidade. Mas tudo começa a mudar quando ele conhece e se apaixona pela juíza Alexa, que mantém um relacionamento tóxico com o playboy Cleto Morgado, usuário de drogas e bastante violento. Em meio a esse drama sentimental e por demais inconveniente, o passado de Téo ressurge subitamente com uma força incrível, arrastando a todos em seu redor para o olho de um ciclone de altíssima rotação e consequências imprevisíveis.

Uma verdadeira onda de crimes abala a rotina do jovem e atormentado empresário, que, mesmo preso a uma cadeira de rodas, terá que usar de toda a sua inteligência para enfrentar um macabro personagem do seu passado adolescente, e onde qualquer vacilo pode significar sua própria morte e daqueles que lhes são mais caros.

“Esse é mais do que um romance policial. Porque aqui eu coloco os elementos do romance sentimental, da crise existencial do personagem, onde ele não consegue entender a razão do seu próprio destino, porque, de repente, se viu praticamente acorrentado a uma cadeira de rodas, logo ele, que era tão ativo, e cuja vida foi repleta de tantas e tamanhas armações”, afirma o autor.

“O lado físico nos anos 80 era muito cultuado e Téo sofre na pele a sua nova condição. Então essa questão da pessoa com deficiência é muito importante no livro, porque temos o cara antes, jovem, fisicamente bem composto, mas pobre e quase um adolescente de rua. Logo em seguida, ainda pobre, ele se torna deficiente, rejeitado por praticamente todos e acolhido por alguns. Mas de uma hora para outra ele se torna muito rico e e então prevalece a hipocrisia da família e da sociedade, que coloca uma pedra sobre o seu passado e o torna uma figura aclamada, de referência”, complementa.

“Coração Selvagem”, novo livro do jornalista Toni Rodrigues

LANÇAMENTO
O livro “Coração Selvagem”, de Toni Rodrigues, será lançado a partir das 19h de 15 de junho do ano em curso, na Livraria Entrelivros, situada à avenida Dom Severino, 1045, zona leste de Teresina. A publicação tem o selo da editora Nova Aliança, do empresário e agitador cultural Leonardo Dias, atualmente o maior incentivador da cultura piauiense. Sua editora possui dezenas de títulos de autores do estado.

“Coração Selvagem é o quarto livro que estamos lançando do escritor Toni Rodrigues. Dele, já lançamos aqui Cinturão de Fogo, Que País É Esse? e Sobre Mercenários e Libertadores”, declarou Leonardo. “Nossa expectativa é muito interessante em relação ao novo livro por conta da amplitude de temas que ele aborda, sobremaneira no tocante aos anos 80, que foi uma década muito intensa em Teresina e no mundo todo. Músicas, filmes, estilo de vida. Tudo ali foi marcante. E tem essa discussão importante da questão humanística e que envolve a pessoa com deficiência e de como, nestas condições, se pode criar chances para enfrentar o crime e sair vitorioso.”

Fonte: Ascom
Foto: Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *