O Governo do Piauí anunciou, nesta quarta-feira (7), no Diário Oficial do Estado, a abertura das inscrições para o concurso público que visa o preenchimento de 75 vagas para os cargos de técnico administrativo da Fundação Universidade Estadual do Piauí (Uespi). A remuneração varia de R$ 1.662,97 a R$ 1.882.97 para cargos de nível médio e R$ 4.291,54 para os de nível superior. A prova será realizada no dia 17 de setembro.

O Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (Nucepe) é a instituição responsável pelo certame, que terá 60 questões objetivas, com cinco alternativas cada, e uma prova escrita dissertativa. O resultado definitivo está previsto ser divulgado no dia 24 de novembro.

As vagas ofertadas para candidatos de nível superior são: administrador, analista de informática, arquiteto, assistente social, bibliotecário, contador, engenheiro civil, engenheiro eletricista, estatístico e psicólogo. Para nível médio, os cargos são para assistente de gestão administrativa.

Para todos os cargos, a jornada de trabalho será de 40 horas semanais, exceto para assistentes sociais e psicólogos, que cumprem 30 horas por semana. A carga horária reduzida em relação aos demais se deve às lei federal nº 12.317 e lei estadual nº 7.889, que estabelecem esse limite para os respectivos profissionais.

O certame busca o preenchimento de vagas nos municípios de Teresina, Bom Jesus, Campo Maior, Corrente, Floriano, Oeiras, Parnaíba, Picos, Piripiri, São Raimundo Nonato e Uruçuí.

As vagas serão de ampla concorrência, observada a reserva de vagas para para Pessoa com Deficiência (PCD) e negras e/ou pardas. Assim, 10% das vagas são destinadas para PCD, enquanto para negros e/ou pardos o percentual é de 25%.

As inscrições podem ser realizadas a partir das 9h do dia 20 de junho até às 13h do dia 28 de julho de 2023 (horário do Piauí), somente via internet, no site nucepe.uespi.br/uespi_adm2023.php. A taxa de inscrição é de R$ 100,00 para concorrentes de nível médio. Já para os de nível superior, o valor é R$ 120,00.

Somente serão isentos ou terão desconto no pagamento da taxa de inscrição Pessoa com Deficiência (PCD), doadores de sangue e/ou medula óssea, aqueles que tiverem trabalhado como mesário e colaborador nas eleições, desempregados (com ressalvas) e pessoas cuja renda familiar for igual ou inferior ao salário mínimo.

Para mais informações, confira o edital.

Fonte: CCom
Foto: Arquivo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *