Conecte-se conosco

Cidades

Inep divulga cartão de confirmação com local de prova do Enem 2020

Publicado

em

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) disponibilizou nesta terça-feira (5) o cartão de confirmação de inscrição no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), por meio do qual os inscritos podem consultar o local onde devem fazer a prova.

O cartão está disponível desde o início da manhã, segundo o Inep. No documento, constam também informações como número de inscrição e o registro da hora e data do Enem. Consta, ainda no cartão, a confirmação de que o participante que pediu atendimento especializado será atendido. O mesmo serve para o inscrito que solicitou o tratamento pelo nome social.

O inscrito pode consultar o cartão na Página do Participante e também pelo aplicativo oficial do Enem. O Inep aconselha quem vai fazer as provas que imprima o documento e leve no dia de realização do exame, junto com o documento oficial com foto.

Segundo o Inep, o sistema tem funcionado sem problemas e algumas reclamações em redes sociais sobre dificuldade de acesso podem ter sido causadas por tentativas de acesso durante a madrugada, quando o cartão de confirmação ainda não estava disponível.

Datas

A atual edição impressa do Enem será nos dias 17 e 24 de janeiro. Num projeto piloto, o exame será realizado também numa versão digital para 100 mil inscritos, desta vez nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro. Ao todo, 5.783.357 inscritos foram confirmados.

Em alguns casos específicos, como quando houver problemas estruturais no local das provas, o exame poderá ser reaplicado. As datas para isso são 24 e 25 de fevereiro. Nessas datas, as provas serão aplicadas também para as pessoas que estiverem privadas de liberdade. Em todas as situações, o resultado do Enem está marcado para ser divulgado em 29 de março.

As datas da atual edição do Enem foram divulgadas em junho, após o Ministério da Educação anunciar o adiamento do exame, que seria realizado em novembro, em razão da pandemia de covid-19. À época, estudantes fizeram campanha para que o governo ou o Congresso adiassem as provas.

Reaplicação por doença

Também poderá pedir para participar da reaplicação da prova em fevereiro quem estiver diagnosticado com covid-19, nas primeiras datas de realização das provas. A solicitação poderá ser feita na Página do Participante do Enem.

O mesmo serve para outras doenças infectocontagiosas. São elas: coqueluche, difteria, doença invasiva por Haemophilus influenza, doença meningocócica e outras meningites, varíola, Influenza humana A e B, poliomielite por poliovírus selvagem, sarampo, rubéola, e varicela.

O Inep orienta o participante que seja acometido por sintomas de qualquer dessas doenças no dia ou na véspera da realização do Enem a entrar em contato também pela Central de Atendimento, no número 0800-616161, de modo a agilizar a análise do caso.

Fonte: Agência Brasil
Foto: Arquivo

Cidades

Piauí registra 23 mortes e mais 958 casos de coronavírus em 24h

Publicado

em

Nas últimas 24 horas foram registrados, no Piauí, 958 casos confirmados e 23 óbitos pela Covid-19, segundo os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde, na noite desta quinta-feira (4).

Dos 958 casos confirmados da doença, 544 são mulheres e 414 são homens, com idades que variam de um a 101 anos.

Treze homens e dez mulheres não resistiriam às complicações da Covid-19. Eles eram de Altos (88 anos), Antônio Almeida (61 anos), Arraial (83 anos), Capitão de Campos (72 anos), Curral Novo do Piauí (88 anos), Dirceu Arcoverde (62 anos), Nossa Senhora dos Remédios (88 anos), Oeiras (60 anos), Pedro II (77 anos) e Teresina (53,66, 79 e 92 anos). Já as do sexo feminino eram das cidades de Alto Longá (62 anos), Beneditinos (67 anos), Floriano (85 e 86 anos), José de Freitas (81 anos), Pavussu (72 anos), Piripiri (79 e 90 anos) e Teresina (60 e 90 anos). Apenas duas das 23 vítimas não possuíam comorbidades.

Os casos confirmados no estado somam 177. 307 distribuídos em todos os municípios piauienses. Já os óbitos pelo novo coronavírus chegam a 3.425 e foram registrados em 212 municípios. Curral Novo registrou a primeira morte pela Covid-19. Até agora, morreram 2.010 homens e 1.415 mulheres.

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há 767 ocupados, sendo 445 leitos clínicos, 291 UTIs e 31 em leitos de estabilização. As altas acumuladas somam 10.151 até o dia quatro de março de 2021.

A Sesapi estima que 173.114 pessoas já estão recuperadas ou seguem em acompanhamento (casos registradas nos últimos 14 dias) que não necessitaram de internação ou evoluíram para morte.

Campanha de vacinação
Até o momento, o vacinômetro, ferramenta para acompanhar a evolução da campanha de vacinação contra a Covid-19 no Piauí, aponta que 85.166 pessoas já receberam a primeira dose de vacina no estado e 23.047 a segunda dose.

Os dados são atualizados a cada 15 minutos a partir da inserção de registros no sistema de informação da campanha pelos estabelecimentos de saúde.

O Painel de Monitoramento da Vacinação contra a Covid-19 pode ser acessado através do site www.saude.pi.gov.br.

Da Redação

Continue lendo

Cidades

Tribunal de Justiça concede liminar que confirma a ilegalidade da greve dos enfermeiros

Publicado

em

O Tribunal de Justiça do Piauí, por meio do desembargador Hilo de Almeida Sousa, concedeu nesta quinta (4) uma liminar à Fundação Municipal de Saúde (FMS) que considera ilegal e abusiva a greve dos enfermeiros e técnicos de enfermagem da rede pública municipal.

A liminar determina que os grevistas cumpram integralmente, sem qualquer restrição, o seu dever legal de exercer as atividades próprias dos cargos que ocupam, sob pena de multa diária no valor de R$ 40 mil reais, bem como a vedação a quaisquer membros da categoria de ocupar qualquer prédio público ou, caso já o tenham, que desocupem e se abstenham de impedir o acesso de quaisquer pessoas às repartições públicas, nos termos do art. 6º, §3º, da Lei nº 7.783/89.

A Acão de Declaratória de Abusividade de Greve, ajuizada pela assessoria jurídica da FMS, alegou que a realização do movimento paredista dos profissionais de saúde representados pelo Sindicato dos Enfermeiros, auxiliares e Técnicos de Enfermagem do Estado do Piauí (Senatepi) agrava substancialmente a prestação do serviço público de saúde não apenas no município, como no estado como um todo, em especial tratando-se de período de enfrentamento à Pandemia ocasionada pelo COVID-19.

O documento argumenta ainda que a paralisação das atividades representa clara afronta ao direito fundamental à vida e à saúde (art. 5 º, caput, c/c art. 196, caput, ambos da CF/88), por si só, já fica demonstrada a ilegalidade dessa greve. “O STF reconheceu a atividade de saúde pública como essencial, devendo ser prestada em sua totalidade, razão porque os servidores públicos da saúde do Estado do Piauí não são titulares do direito de greve, em exceção à regra que garante tal direito aos demais servidores públicos, pelo que reputa ser esta ilegal”, destaca a ação.

Logo, conclui o documento, há o perigo de dano irreparável, pois a suspensão dos serviços prestados pelos profissionais de saúde do Município de Teresina traz efetivamente dano ao Município que não pode cumprir seu dever constitucional de garantir saúde pública à população, em especial em momento de calamidade pública ocasionada pela pandemia do COVID-19.

Com informações da Ascom/PMT

Continue lendo

Cidades

Greco prende acusados de tráfico de drogas em Teresina

Publicado

em

A Polícia Civil do Piauí, por meio do Grupo de Repressão ao Crime Organizado – Greco, com apoio operacional da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais – Core, efetuou nesta quinta-feira (4) a prisão do nacional de iniciais E. P. S.  e  do nacional W. C. D. S. N, no bairro São Sebastião, zona Sudeste de Teresina.

De acordo com o Greco, os acusados foram presos em flagrante delito pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, receptação e posse irregular de arma de fogo.

Conforme o Greco, foram apreendidos dinheiro, celulares roubados, um revólver calibre 38, maconha, cocaína e uma motocicleta. Os investigados são integrantes de facção criminosa voltada para o tráfico de drogas e roubos e, após serem autuados, serão encaminhados ao sistema prisional.

Com informações da Ascom

Continue lendo

Popular