Conecte-se conosco

    Esporte

    Honda marca em estreia, mas Botafogo fica só no empate contra o Bangu

    Publicado

    em

    O japonês Keisuke Honda balançou as redes em sua estreia com a camisa do Botafogo. Porém, o Alvinegro apenas empatou por 1 a 1 contra o Bangu, no estádio Nilton Santos, na tarde deste domingo (15), em jogo válido pela terceira rodada da Taça Rio – o segundo turno do Campeonato Carioca. O atacante Rhainer foi o autor do gol da equipe visitante.

    A próxima partida do Botafogo pelo estadual está marcada para o próximo sábado (21), contra a Cabofriense, no estádio Nilton Santos, às 19h (de Brasília). O Bangu, por sua vez, recebe o Flamengo, na segunda-feira (23), às 20h30. No entanto, a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) fará uma reunião extraordinária amanhã, na qual serão discutidas ações e diretrizes contra a pandemia de coronavírus.

    A tendência é que o estadual carioca siga as medidas tomadas por outros órgãos e também seja suspenso por tempo indeterminado.

    Com o empate, ambas equipes chegam aos quatro pontos no Grupo B da Taça Rio. Mas o Bangu fica com a terceira posição por ter melhor saldo de gols, deixando o Botafogo em quarto. Os times ficam a dois pontos do Boavista, segundo colocado e que, hoje, estaria classificado para a próxima fase.

    Quem foi bem: Honda
    O estreante da noite não fez um jogo espetacular, mas a falta de grande jogadas na partida fazem com que o japonês tenha sido um dos melhores. Além do gol marcado, batendo penalidade, o meio-campista deixou por uma vez um companheiro na cara do gol e mostrou que pode ser o homem de criação do Botafogo.

    Quem foi mal: Michel Pereira
    No lance que originou o pênalti do Botafogo, o zagueiro do Bangu errou o tempo de bola e não achou nada. Com isso, a defesa ficou com espaço e possibilitou que Navarro invadisse a área e sofresse o pênalti.

    Fonte: Folhapress
    Foto: Divulgação/Botafogo

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular