O Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) confirmou nesta sexta-feira (3) que a droga apreendida em Teresina está avaliada em R$ 1 milhão. Os 9 kg de pasta base de cocaína foram localizados durante cumprimentos de mandados de buscas realizados em diversas zonas da capital piauiense.

O delegado Charles Pessoa, coordenador do Greco, afirmou que um dos alvos era um integrante e líder de facção criminosa, identificado apenas por Leonardo, investigado pela prática de crimes de homicídios, roubos, tráfico de drogas.

“Foram 4 buscas e apreensões em algumas zonas da capital e o nosso objetivo era fazer a apreensão desse material, desse entorpecentes e tínhamos a certeza que íamos fazer essa apreensão dessa droga. Apreendemos 2 veículos, uma grande quantidade em dinheiro, munições e o responsável por guardar e o titular desse entorpecente é o Leonardo, indivíduo de altíssima periculosidade, vulgo ‘Leozinho’, membro de uma facção criminosa. O nosso objetivo tem como resultado o enfrentamento direto dessas organizações criminosas, tirando de circulação uma grande quantidade de material; os veículos apreendidos são utilizados por esse grupo organizado para fazer o transporte e a distribuição do entorpecente”, afirma.

A ação contou com o apoio da Polícia Civil do Maranhão e do Grupamento Aéreo da Polícia Militar do Piauí.

Da Redação
Foto: Ascom/PC-PI

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *