O Flamengo confirmou sua classificação às oitavas de final da Libertadores. O Rubro-Negro goleou o Aucas por 4 a 0, no Maracanã, pela sexta e última rodada da fase de grupos.

Pedro, Léo Pereira, Bruno Henrique e Victor Hugo marcaram os gols da partida. Os tentos saíram aos oito, aos 30 e aos 42 minutos do primeiro tempo; e aos dez da etapa final.

Atual campeão do torneio, o Fla ficou em segundo no Grupo A. Os comandados por Sampaoli fizeram 11 pontos e ficaram atrás do Racing, com 13 — o Ñublense, com cinco, ficou com a vaga na Sul-Americana.

O Rubro-Negro aguarda sorteio para conhecer seu adversário na próxima fase. O evento será realizado em 5 de julho, na próxima quarta-feira, às 13h (de Brasília), na sede da Conmebol, no Paraguai.

O Flamengo volta a campo no sábado (1) para enfrentar o Fortaleza, também no Maracanã, pela 13º rodada do Brasileirão. O clube tem 22 pontos e está em terceiro na tabela do torneio.

Gols e destaques
BH perde sem goleiro. No 3º minuto do jogo, Bruno Henrique foi lançado por Victor Hugo na velocidade. Ele saiu sozinho e driblou o goleiro, mas acabou adiantando muito e acabou acertando a rede pelo lado de fora.

1×0. Aos 8′, Everton Ribeiro tocou para Wesley na entrada da área. O lateral cortou para dentro e bateu firme, mas Galíndez defendeu. O rebote ficou com Arrascaeta, que pegou mascado e, no meio do caminho, a sobra ficou com Pedro para completar para o fundo da rede.

Seria o segundo. Aos 15′, Wesley lançou Victor Hugo na direita, que chegou perto da linha de fundo e cruzou para trás. Arrascaeta apareceu e finalizou de primeira, mas o goleiro defendeu e, no rebote, Arrasaca mandou para fora.

Quase um golaço. Aos 27′, Bruno Henrique foi acionado na esquerda, tabelou com Arrascaeta e bateu na saída de Galíndez, mas o goleiro defendeu.

2×0. Aos 30′, Arrascaeta cobrou escanteio pela lado esquerdo com muito efeito e Léo Pereira apareceu nas costas da marcação no segundo pau. O zagueiro testou firme para o chão, à queima-roupa, e ampliou o marcador.

3×0. Aos 42′, Everton Ribeiro tabelou com Wesley na área e deu um toque sutil para Bruno Henrique. O camisa 27 ajeitou para a esquerda e bateu colocado, acertando a bochecha da rede e inflamando a torcida no Maracanã.

4×0. Aos 10′ do segundo tempo, Bruno Henrique foi lançado em disparada novamente e tocou para Pedro. O centroacante segurou, esperou Victor Hugo passar e deixou a Cria diante do gol, que completou a goleada.

Fonte: Folhapress
Foto: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *