O Flamengo empatou com o Ñublense por 1 a 1, no Chile, pela quarta rodada da fase de grupos Libertadores.

Gabigol anotou gol do Fla, aos 34 minutos do primeiro tempo. Ele marcou seu segundo tento no torneio.
Henríquez igualou para o time chileno, aos 28′ da segunda etapa.
O Flamengo chegou aos cinco pontos e se mantém na vice-liderança do Grupo A, mas perdeu a chance de ficar mais confortável na tabela. O clube brasileiro tem a metade da pontuação do Racing e é seguido de perto por Ñublense, com quatro pontos, e por Aucas, com três.

O Rubro-Negro volta a campo pela Libertadores em 8 de junho para enfrentar o Racing, no Maracanã, às 21h (de Brasília), pela quinta rodada do torneio. Aucas e Nublense se enfrentam no dia anterior, no Equador.

Curiosidade: Gabigol foi responsável por quatro dos nove gols do Flamengo nos últimos seis jogos — dois deles foram de pênalti.

Como foi o jogo
O Fla comandou a partida no primeiro tempo, mas não contou com atuação inspirada. A equipe controlou a posse e envolveu o adversário, só que sofria com falta de objetividade no ataque.

Gabigol acertou um chute fulminante e marcou em sua primeira e única finalização. O Rubro-Negro chutou ao gol adversário somente três vezes durante todo o jogo.

O Ñublense, que pouco criava, passou a pressionar os brasileiros após o intervalo. O Flamengo diminuiu o ritmo e tentou controlar a vantagem, tendo inclusive desperdiçado oportunidades para ampliar o marcador.

Henríquez saiu do banco de reservas e empatou em jogada individual. Foi o terceiro jogo do Flamengo sofrendo gols na Libertadores — só havia passado ileso na vitória por 2 a 0 sobre o adversário chileno, na segunda rodada.

A partida marcou as estreias dos laterais Filipe Luis e Varela com Jorge Sampaoli. A dupla ainda não havia atuado com o treinador argentino.

Fonte: Folhapress
Foto: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *