Conecte-se conosco

Política

Dr. Pessoa apresenta reforma administrativa para vereadores

Publicado

em

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB), comunicou que nesta terça-feira (2) vai se reunir com os vereadores de Teresina para apresentar o projeto de reforma administrativa, quando extinguirá as Secretarias Municipais de Concessões e Parcerias e de Comunicação Social, 21 Ouvidorias e criando a Secretaria Municipal de Defesa Civil e as Coordenadorias de Segurança Pública e Patrimonial e de Comunicação Social.

O projeto de lei da reforma administrativa foi encaminhado à Câmara Municipal de Teresina nesta quarta-feira (3).

O secretário de Governo, Adolfo Nunes, disse que estava finalizando o projeto na tarde de segunda-feira.

“É como reformar uma casa, é preciso dá a primeira mão de barro, depois a primeira mão de tinta e depois a segunda mão de tinta para finalizar”, falou Adolfo Nunes.

Adolfo Nunes disse que 21 Ouvidorias serão extintas, ficando apenas a Ouvidoria Geral. “A Prefeitura não terá nenhum gasto novo, devido ao impedimento da Lei Complementar 173 que proíbe prefeitos e governadores a aumentarem despesas no período de pandemia.

A lei impõe freios nas despesas municipais e a reforma não terá impacto financeiro”, declarou.

Segundo ele, as SDUs (Superintendência de Desenvolvimento Urbano) serão transformadas em Superintendências de Ações Administrativas Descentralizadas (SAADs). A SDU Centro-Norte será desmembrada em duas, ficando a Saad Norte e a Saad Centro.

A Coordenadoria de Comunicação será integrada à Secretaria Municipal de Governo.

A nova pasta que será criada é a Secretaria Municipal de Defesa Civil, que surge com a nova administração.

A escolha do novo secretário ficará a cargo do Avante e o nome mais cotado é do vereador Vinício Ferreira.

A Coordenadoria Municipal de Segurança Pública e Patrimonial e a Guarda Municipal estarão vinculadas à Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas.

Na reforma, o Dr. Pessoa reduz o poder da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano. Será criada a Superintendência Executiva, que será subdividida para separar a construção de asfalto, iluminação, recursos hídricos, lixos e resíduos sólidos.

Da Redação

Banca de Jornal

Propaganda