Conecte-se conosco

Política

‘Dinheiro bloqueado pela Justiça era para comprar oxigênio, diz Robert Rios

Publicado

em

'Dinheiro bloqueado pela Justiça era para comprar oxigênio, diz Robert Rios

O secretário de Finanças e vice-prefeito de Teresina, Robert Rios, desabafou nesta terça-feira (27) que os R$ 7 milhões bloqueados pela justiça para pagamento de precatórios da Fundação Municipal de Saúde (FMS) iriam para a compra de oxigênio para pacientes acometidos por covid-19 na capital piauiense.

“Como eu vou dizer pra pessoas, para uma mãe que seu filho não vai ter oxigênio? Como vou dizer para um filho que sua mãe vão vai ter oxigênio porque o dinheiro levaram? O dinheiro já é pouco, escasso. Se tem uma dívida do precatório, vamos pagar em outro momento”, destaca.

Conforme Robert Rios, o dinheiro disponível neste momento é para ser usado no enfrentamento à covid-19

“Esse momento é para cuidar do vidas humanas. É o momento de cuidar de covid. Nós não podemos interromper isso.Não podemos de deixa de enfrentar a covid nem um minuto. Hoje nós amanhecemos com o dinheiro do covid usado para pagar precatórios. Será se essas pessoas que vão receber precatórios vão ficar felizes sabendo que pessoas vão morrer porque esse dinheiro não está mais no caixa da Prefeitura?”, questiona.

robert rios, secretário de finanças

Da Redação

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Banca de Jornal

Propaganda