Conecte-se conosco

    Política

    Datafolha em SP: Haddad tem 34%, Tarcísio, 23%, e Garcia, 19%

    Publicado

    em

    Datafolha em SP: Haddad tem 34%, Tarcísio, 23%, e Garcia, 19%

    O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) mantém a liderança pelo governo do Estado e tem 34% das intenções de voto no 1º turno, mostra pesquisa Datafolha divulgada nesta 5ª feira (22.set.2022).

    Em 2º lugar, aparece o ex-ministro da Infraestrutura do presidente Jair Bolsonaro (PL), Tarcísio de Freitas (Republicanos), com 23%. Ele está empatado no limite da margem de erro com o atual governador, Rodrigo Garcia (PSDB), que tem 19%.

    O levantamento mostra que brancos e nulos somam 11% e 9% dos eleitores não sabem ou não responderam. Na rodada anterior do Datafolha, realizada de 13 a 15 de setembro, Haddad pontuava 36%, Tarcísio, 22% e Garcia, 19%.

    O levantamento entrevistou 2.000 eleitores em 86 municípios do Estado de São Paulo. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%. Está registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número SP-07041/2022, custou R$ 231.902,00 e foi pago pelo Grupo Folha e pela Rede Globo.

    Leia abaixo os resultados do cenário estimulado em 1º turno com todos os candidatos:

    Fernando Haddad (PT): 34% – (tinha 36% no levantamento anterior);
    Tarcísio de Freitas (Republicanos): 23% – (tinha 22%);
    Rodrigo Garcia (PSDB): 19% – (tinha 19%);
    Carol Vigliar (UP): 1% – (tinha 1%);
    Gabriel Colombo (PCB): 1% – (tinha 1%);
    Elvis Cezar (PDT): 1% – (tinha 1%);
    Antonio Jorge (DC): 1% (tinha 1%);
    Altino Junior (PSTU): 0% – (tinha 1%);
    Vinicius Poit (Novo): 0% – (tinha 1%);
    Edson Dorta (PCO): 1% – (tinha 0%);
    branco/nulo/nenhum: 11% – (eram 11%);
    não souberam responder: 9% – (eram 7%).

    2º turno
    No cenário de 2º turno testado pelo Datafolha em uma disputa entre Fernando Haddad e Tarcísio de Freitas, o candidato do PT tem 11 pontos percentuais de vantagem.

    Fonte: Poder360

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular