O Cuiabá bateu o Cruzeiro por 1 a 0, na Arena do Jacaré, e deixou o Z4 do Campeonato Brasileiro no encerramento da sétima rodada.

Deyverson marcou o gol da vitória, aos 36 minutos do primeiro tempo. Ele balançou a rede pela primeira vez na competição, anotando seu quinto tento na temporada.

O camisa 16 do Cuiabá também protestou contra o racismo e manifestou sua solidariedade a Vini Jr. Deyverson cerrou os punhos antes de a bola rolar e desejou força ao compatriota do Real Madrid, vítima de novo ataque racista na Espanha, no intervalo.

O Cruzeiro teve a posse, mas o Cuiabá foi mais incisivo no primeiro tempo. A equipe visitante se armou no contra-ataque, aproveitou as bolas longas para surpreender a marcação cruzeirense e largou na frente após quase um golaço.

Em desvantagem, a Raposa intensificou a pressão, mas não conseguiu furar a barreira. O Dourado se fechou ainda mais, não voltou a chutar ao gol adversário e teve sucesso em neutralizar a artilharia cruzeirense — que teve volume, mas pouca criatividade.

A vitória veio na estreia de António Oliveira, que está em sua segunda passagem pelo clube mato-grossense. O técnico português levou o Cuiabá à segunda vitória no torneio e fez o time voltar a marcar após duas rodadas em branco.

Gol e destaques
Primeiro perigo. Aos 14 minutos de jogo, Denilson acionou Deyverson pelo lado direito da área. O atacante cortou Filipe Machado e bateu no primeiro poste, mas a bola desviou em Oliveira e foi para a linha de fundo.

Bomba de Wesley. Aos 27′, Wesley recebeu na entrada da área, ajeitou para a direita e mandou um chute cruzado. A bola saiu rente à trave.

Cafu quase faz golaço. Aos 35′, Jonathan Cafu foi lançado por Denilson na velocidade, ganhou da marcação e deu um toquinho por cima para encobrir Rafael Cabral. A bola, no entanto, saiu.

1×0. No minuto seguinte, Sobral chegou à linha de fundo pela direita e mandou para a área. Deyverson se antecipou à marcação e cabeceou cruzado para inaugurar o placar.

Walter defende. Aos 19′ do segundo tempo, Gilberto avançou pela esquerda, limpou a marcação e bateu. A bola ainda desviou e quase surpreendeu Walter, mas o goleiro conseguiu fazer a defesa.

Wallison chuta fraco. Aos 23′, Formiga teve espaço pelo lado direito e cruzou rasteiro para o meio da área. A bola chegou até Wallison, que finalizou mascado e facilitou para Walter.

Fonte: Folhapress
Foto: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *