Conecte-se conosco

    Cidades

    CRM-PI fiscaliza Hospital do Monte Castelo e Maternidade Wall Ferraz e encontra irregularidades

    Publicado

    em

    CRM-PI fiscaliza Hospital do Monte Castelo e Maternidade Wall Ferraz e encontra irregularidades

    Em fiscalizações conjuntas realizadas nesta quinta-feira (8), o Conselho Regional de Medicina do Estado do Piauí (CRM-PI), Ministério Público Estadual, Conselho Regional de Fisioterapia (Crefito) e Conselho Regional de Enfermagem (Coren-PI) flagraram irregularidades graves no Hospital Miguel Couto – Monte Castelo, na zona sul da cidade, e na Maternidade Municipal Prof. Wall Ferraz, no bairro Dirceu. Os problemas vêm prejudicando o atendimento que deveria ser de qualidade à população, bem como colocando em risco o trabalho dos profissionais de saúde.

    Pelo CRM-PI, estavam presentes o presidente, Dr. Dagoberto Barros da Silveira, a vice-presidente, Drª Mírian Palha Dias Parente, e a secretária geral, Drª Ana Cláudia Louçana. O promotor da área de saúde do Ministério Público Estadual, Dr. Eny Pontes, acompanhou toda a vistoria em ambas as unidades.

    No caso do hospital do Monte Castelo, a falta de insumos compromete o trabalho dos médicos, pois faltam vários medicamentos e também soro, indispensável no tratamento de pacientes internados. Porém, as escalas médicas e equipamentos estão funcionando corretamente. Entre os medicamentos essenciais faltam o anticoagulante Heparina, o antibiótico Cefalexina suspensão, entre vários outros tipos de antibióticos. Para o CRM-PI, essa falta de medicamentos prejudica principalmente os pacientes oncológicos.

    Já na Maternidade Prof. Wall Ferraz, também chamado de CIAMCA, as irregularidades verificadas foram nas escalas médicas de plantonistas, nas quais faltam obstetras e neonatologistas, além de fisioterapeutas; no centro cirúrgico, faltam enfermeiros. Quanto a equipamentos, faltam incubadoras e berços de fototerapia, como mais urgentes apontados pelos médicos do plantão. A farmácia está bem abastecida.

    O CRM-PI concluirá os relatórios técnicos, a serem enviados a todas as autoridades, incluindo diretores das duas unidades, para a FMS, para o gabinete da Prefeitura, para os órgãos de controle, como o MPE e para os demais conselhos de classe presentes. Nós relatórios, as autoridades são notificadas com prazo para solução dos problemas descritos.

    CRM-PI fiscaliza Hospital do Monte Castelo e Maternidade Wall Ferraz e encontra irregularidades

    Fonte: Ascom/CRM-PI
    Fotos: Divulgação

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular