O Corinthians é tetracampeão do Campeonato Brasileiro feminino de futebol. A equipe comandada pelo técnico Arthur Elias venceu o Internacional com propriedade por 4 a 1 hoje (24), na Neo Química Arena, e levou a taça da competição nacional.

O título coroou a bela atuação do Corinthians neste Brasileirão. As Brabas só perderam uma partida no torneio inteiro, que foi o revés por 2 a 0 para o Palmeiras, no Allianz Parque, ainda na primeira fase.


Assim como o primeiro confronto no Beira-Rio, que terminou em empate por 1 a 1, o jogo de hoje teve caráter histórico, porque bateu o recorde de público do futebol feminino entre clubes do Brasil. Foram mais de 41 mil pessoas acompanhando o duelo entre Corinthians e Internacional em Itaquera.

É lá e cá
O primeiro tempo da partida começou com as corintianas colocando pressão nas adversárias do Rio Grande do Sul. Aos dois minutos, Gabi Zanotti marcou um gol, que acabou anulado corretamente pelo VAR. Em seguida, o Internacional se recuperou do abafa inicial e partiu para cima.

Aos 13 minutos da etapa inicial do confronto, a zagueira Sorriso inaugurou o placar da Neo Química Arena. O jogo continuou pegado, com boas jogadas para ambos os lados, até que aos 22 Jaqueline igualou o marcador com um chute direto após belo cruzamento de Yasmin. O Corinthians, então, virou aos 45 minutos, com Diany.

Força das Brabas
O Corinthians voltou para o segundo tempo com a mesma postura da etapa inicial: foco no ataque. No primeiro minuto do jogo, então, Victória recebeu de Gabi Portilho na entrada da grande área e chutou forte para o fundo das redes, agitando os torcedores presentes.

Aos 15 minutos do segundo tempo foi possível notar que o time do Inter sentiu o terceiro gol do Corinthians. A equipe de Mauricio Salgado passou a errar muito nas saídas de bola e disputas na intermediária. O Timão, por outro lado, ficou mais próximo do quarto gol do que as gaúchas do segundo.

O técnico do Inter fez algumas alterações, tentou colocar a equipe mais para frente, mas não conseguiu a reação. O Corinthians passou a administrar o resultado, com direito a gritos de olé nas boas jogadas.

Com tranquilidade, as Brabas selaram a vitória com o quarto gol. O tento que consolidou o título do Corinthians veio aos 46 minutos do segundo tempo, com Jheniffer, que recebeu bom cruzamento de Jaqueline.

Fonte: Folhapress

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *