O Bragantino atropelou o Flamengo em Bragança Paulista, pela 11ª rodada do Brasileirão, e entrou na briga pelo G-6. do Brasileirão. O time da casa goleou os rubro-negros por 4 a 0 sob comando do jovem atacante Mosquera, autor de dois gols. A derrota interrompeu uma sequência de 10 jogos de invencibilidade do Fla, que ficou oito pontos longe da liderança.

O placar elástico refletiu bem o que foi o jogo. O Bragantino conseguiu nada menos que 30 finalizações na partida e ficou no campo de ataque quase o tempo todo.

Alerrandro entra, não perdoa e irrita Sampaoli. O camisa 9 dos mandantes substituiu Sasha e demorou pouco para balançar as redes. Com faro de artilheiro, ele pegou rebote em cabeçada de Evangelista que carimbou a trave e, aos 30 minutos, tirou qualquer chance de reação flamenguista, revoltando Sampaoli: 3 a 0.

Mosquera, inspirado, define goleada. O chocolate bragantino amargou de vez a atuação flamenguista cinco minutos depois, quando Mosquera aproveitou bobeada de Wesley, fez fila e finalizou com potência ao gol de Matheus Cunha, que não conseguiu evitar o final do jogo em 4 a 0.

O Flamengo, por outro lado, apelou para os chutões em boa parte do tempo, não teve meio de campo e criou pouquíssimas chances.

Os cariocas saíram de campo com apenas um chute na direção do gol, e Lucão não fez defesas importantes.

Fonte: globo.com
Foto: reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *