Conecte-se conosco

    Política

    Bolsonaro agradece apoio e diz que nada está perdido

    Publicado

    em

    Bolsonaro agradece apoio e diz que nada está perdido

    O presidente Jair Bolsonaro (PL) rompeu o silêncio nesta sexta-feira (9) e conversou com apoiadores dele em frente ao Palácio da Alvorada. O chefe do Executivo falou por aproximadamente 15 minutos e disse que “nada está perdido”.

    “Já disse muitas vezes a vocês. Eu perguntava: ‘O poder emana do povo?’. Depende de quem o povo escolhe para representar. Porque, se o poder emanasse do povo somente pelo povo, Cuba não seria uma ditadura, nem a Venezuela. Devemos ver o que aconteceu nos outros países para que nós não venhamos a cometer exatamente o mesmo erro. Nada está perdido.”

    O presidente disse ainda que nunca agiu fora das normas da Constituição ao longo dos quatro anos de mandato. “Devo lealdade a vocês. Nunca saí de dentro das quatro linhas da Constituição e acredito que a vitória será também dessa maneira”, destacou. “Acredito em vocês. Vamos acreditar no nosso país. Se Deus quiser, tudo dará certo no momento oportuno”, completou.

    A última manifestação pública de Bolsonaro tinha sido em 2 de novembro, quando ele publicou um vídeo nas redes sociais para pedir a desobstrução de rodovias bloqueadas no Brasil. “Estou praticamente há quarenta dias calado, não é fácil. Dói, dói na alma. Sempre fui uma pessoa feliz no meio de vocês, mesmo arriscando minha vida no meio do povo, como arrisquei em Juiz de Fora em setembro de 2018”, disse ele nesta sexta.

    Bolsonaro ainda parabenizou os apoiadores pelos atos registrados ao redor do país em apoio a ele. “Vocês estão se comportando de forma democrática, se manifestando de acordo com nossas leis. Vocês são cidadãos de verdade. E está na hora de parar de ser tratado como outra coisa aqui no Brasil”, declarou. “Vamos acreditar, vamos nos unir. Criticar só quando tiver certeza absoluta. Buscar alternativas, e cada um vê o que pode fazer pela sua pátria”, acrescentou.

    Fonte: R7.com

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular