Conecte-se conosco

    Política

    Bárbara Soares defende mais empregos para jovens piauienses

    Publicado

    em

    Bárbara Soares defende mais empregos para jovens piauienses

    Ao longo da pandemia, o desemprego obteve um grande crescimento entre os jovens brasileiros. De acordo com o IBGE, no terceiro trimestre de 2021, dos 13,4 milhões de pessoas sem emprego, um terço — cerca de 5 milhões — tinha entre 14 a 24 anos. Analisando o cenário nacional, a médica e presidente do Jovens Progressistas do Piauí, Bárbara Soares, defende que mais políticas públicas voltadas ao incentivo de oportunidades e empregos aos jovens piauienses sejam realizadas.

    “Nós já temos em mente um projeto visando, primeiramente, os jovens que é o primeiro emprego. Esse projeto já existe em alguns outros estados e ele visa o acesso dos jovens ao emprego através da redução do ISS (Imposto Sobre Serviço), com a contratação de jovens na faixa etária de 16 a 24 anos. Esse incentivo fiscal de empresas privadas possibilita aos jovens mais oportunidades”, afirma.

    O PNAD apontou que a quantidade de pessoas ocupadas no mercado de trabalho no Piauí, no primeiro trimestre de 2022, foi de 1,26 milhão de pessoas. O número ainda está abaixo do que o estado possuía no quarto trimestre de 2019, antes da pandemia, de 1,3 milhão de pessoas. A taxa de desocupação no Piauí no primeiro trimestre de 2022 foi de 12,3%, menor que a taxa registrada no mesmo período do ano passado, quando atingiu 15,1%, uma queda da ordem de 2,8 pontos percentuais.

    Bárbara Soares afirma ainda que é preciso ser atuante no cenário político para garantir acesso a uma melhor qualidade de vida e reivindicar direitos da população.

    “Hoje, os jovens devem fazer ainda mais parte da política porque serão o futuro, o amanhã, isso o professor Marcílio já me falava muito e eles precisam ter consciência que a partir do momento que a gente se ausenta, se negligência de algumas coisas, passamos a não ter direitos sobre elas, passa a não ter como reclamar, seja do calçamento, da educação, da saúde. Precisamos entrar de cara na política. Somente através da política, a gente consegue ter uma qualidade de vida melhor para nós e todos os nossos familiares”, disse a presidente do Jovens Progressistas do Piauí.

    Fonte: Ascom

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular