Conecte-se conosco

Cidades

Artigo – Em tudo dai Graças a Deus

Publicado

em

Deus é bom e fiel. Tanto assunto pra falar ou escrever e vem nos falar de DEUS? Perguntam-se os ímpios neste momento? O melhor assunto pra discorrer é sobre Cristo Jesus. Em tudo dai graças a Deus, já diz João Calvino. Ontem, faleceu em Salvador (BA) o Jesuíta Padre Geraldo Coelho de Almeida, SJ; impressionante a reação de todos os jesuítas: Geraldo foi um seguidor de Cristo e ajudou muitas pessoas. Os Jesuítas são exemplos vivos de aceitação da morte e serenidade. Os Calvinistas também possuem essa dádiva de respeito e serenidade. Moramos com Geraldo em Salvador, no Colégio Antonio Vieira. Gente boa! Quando Geraldo viu que meus pensamentos eram lúcidos e não possuía fanatismo; tratou logo de assinar minha carteira de trabalho e garantir-me um bom salário mensal todos os meses. Trabalhei no Colégio Antônio Vieira por um ano e logo em seguida me transferiram pra Fortaleza (CE). Geraldo Coelho de Almeida era um grande Sábio!

 Mesmo no mundo jesuítico (o melhor dos mundos entre os católicos) existem batalhas pra subir na hierarquia católica. Quando cheguei a Fortaleza (CE) percebi um clima totalmente diferente. Enquanto convivi com os alemães, franceses e espanhóis tudo correu bem; quando nos vemos em meio a “preguiçosos” a vocação foi de fato sufocada. E onde estava Geraldo? Tinha sido eleito reitor do Colégio Pio Brasileiro em Roma. Fiquei a ver “navios”. E o que acontece no mundo católico sem “proteção”? A vocação é sufocada pelos “doidos” de interesses mundanos e humanos. Geraldo como todo bom jesuíta acaba de subir pra um local melhor. Onde está o em tudo dai graças a Deus? Lógico que não é pela morte e sim pelo desempenho exercido em vida! Eu, “menino” do interior, certo dia fiquei maravilhado com uma casa de retiro dos Jesuítas. Quem me mostrou este “tesouro escondido”? O bom Jesuíta Padre Geraldo Coelho de Almeida, SJ; homem de DEUS! 

Sim e a explicação do título do artigo? A maior descoberta me foi apresentada pelo hoje Reverendo Diogo; um gaúcho: a Sagrada Escritura. Mais como bom católico não lia a Bíblia? Esporadicamente. Os Calvinistas, os reformados têm verdadeiro amor à palavra de Deus. Hoje em dia, já li a sagrada escritura de gênesis ao apocalipse mais de oito (8) vezes. E parou de ler outros livros? Pelo contrário, aumentei o número de livros lidos. Em tudo dai graças a Deus é o fato de que a sagrada escritura é precisa em vivermos dando graças a Deus. Deus é bom e fiel. Hoje, percebemos que de fato no mundo jaz o maligno. Deus é Deus e elegeu os seus; existem pessoas irrecuperáveis porque Cristo Jesus quis assim. E quem são os eleitos? Ninguém sabe, mas é bom viver como se fosse um deles; e viver segundo Cristo Jesus é tornar-se um eleito de DEUS. Em tudo dai graças ao bom DEUS! 

Você sabe o que é Monergismo? É um ensinamento calvinista que afirma que a salvação é toda fruto do trabalho de Deus. Ninguém é salvo por alguma obra ou decisão sua, mas pela graça de Deus. Deus escolhe quem Ele quer salvar e os salva. O Monergismo nega que o homem pode escolher se quer ser salvo ou não. Segundo a vontade de Deus, Jesus morreu para levar nossos pecados em nosso lugar, nos livrando do castigo. Na hora que Ele quer, Deus envia o Espírito Santo, que convence cada eleito a se converter. Logo, a escolha não é do convertido, porque foi Deus que o fez ter fé. Em tudo dai graças a Deus. Muito cuidado ao negar Cristo e se esbaldar nas coisas mundanas; o inferno é de fato cruel! 

Josenildo Melo foi estudante de Direito e Filosofia. É Bacharel em Serviço Social e Jornalista

Banca de Jornal

Propaganda