O ex-ministro da Justiça do governo Bolsonaro, Anderson Torres, embarcou nesta sexta-feira (13) para o Brasil. Torres foi exonerado da secretaria de Segurança Pública do DF, cargo que assumiu depois de deixar de ser ministro de Bolsonaro, e teve ordem de prisão decretada por Alexandre de Moraes na terça-feira (10).

Com o retorno ao Brasil, ele deve se entregar às autoridades e ser preso. O pedido de prisão de Torres, acolhido por Moraes, foi feito pela Polícia Federal.

Ele era o responsável pela segurança do Distrito Federal quando alguns bolsonaristas terroristas invadiram os prédios do Congresso, do Supremo Tribunal Federal e o Palácio do Planalto, no domingo (8).

Torres foi para os Estados Unidos dias depois da posse de Lula, um ato que Alexandre de Moraes considerou suspeito para tomar a decisão sobre o pedido de prisão.

O ex-ministro foi de férias para Orlando, mesma cidade para onde Jair Bolsonaro viajou um dia antes da posse de Lula para não passar a faixa presidencial.

Fonte: globo.com
Foto: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *