Conecte-se conosco

    Concursos

    COE Estadual libera eventos abertos para 80% do público

    Publicado

    em

    COE Estadual libera eventos abertos para 80% do público

    A Secretaria de Estado da Saúde, através do Comitê de Operações Emergenciais (COE) realizou reunião nesta quarta-feira, dia 9, e deliberou sobre flexibilização das medidas restritivas no Piauí na pandemia. Estão liberados eventos com 60% do público em local fechado e 80% de público em local aberto e semiaberto, com uso de máscaras e apresentação do cartão de vacina.

    Na reunião, ficou determinado o retorno do trabalho presencial de todos os servidores do Estado e a realização das cirurgias eletivas. A decisão foi tomada depois da avaliação da redução do número de reprodução da doença, redução do número de casos de Síndromes Gripais, Síndromes Respiratórias Graves, Taxa de ocupação hospitalar e a média móvel de casos da Covid-19.

    Segundo o Secretário de Saúde, Florentino Neto, ainda não será retirada a obrigatoriedade do uso de máscaras no Estado. “A deliberação sobre obrigatoriedade do uso de máscaras somente será decidida depois da reunião do Comitê Científico do Nordeste, no próximo dia 14 de março. A Sesapi vai esperar a orientação a respeito, mas a decisão pela não obrigatoriedade do uso de máscara será discutida também de forma planejada e progressiva”, explica o gestor.

    De acordo com o membro do COE e infectologista, José Noronha, o Comitê optou pelo início da reabertura econômica organizada e de maneira progressiva. “A cada semana vamos observar novamente esses indicadores epidemiológicos e avaliar o panorama de todo o Nordeste. Mas não podemos esquecer de manter as medidas higiênico sanitárias como a limpeza das mãos”, diz.

    As deliberações foram encaminhadas para a Secretaria de Estado de Governo para elaboração e publicação do decreto com as novas medidas.

    Fonte: Sesapi

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular