Conecte-se conosco

Cidades

Setut afirma que pandemia causou crise no sistema de transporte público

Publicado

em

Setut afirma que pandemia causou crise no sistema de transporte público

Em publicação nas redes sociais, o Setut (Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina) afirmou nesta segunda-feira (7) que a pandemia causou a crise no sistema de transporte público de Teresina. O Setut acrescentou que a redução da demanda chegou a quase 80% nas principais cidades do país.

De acordo com o Setut, mais de 97% das empresas de ônibus regulares e de ônibus urbanos foram afetadas pela pandemia.

Setut afirma que pandemia causou crise no sistema de transporte público

Segundo o Setut, 78% do segmento do metrô e trens foram atingidos de forma negativa pelo vírus

Ainda conforme o Setut, além do impacto causado pela pandemia da Covid-19, outros fatores também contribuíram para a crise no sistema de transporte como o atraso no repasse dos subsídios e o aumento dos custos operacionais.

Setut afirma que pandemia causou crise no sistema de transporte público

Motoristas já realizaram greves e paralisações
Os motoristas e cobradores de ônibus deflagram várias greves em Teresina. O Sindicato dos Trabalhadores em Tranportes Rodoviários (Sintetro) reivindica a não renovação da convenção coletiva de trabalho. Eles se concentraram na garagem da EMTRACOL, na zona Sudeste de Teresina.

Os ônibus das empresas Transfácil, Emtracol e Teresina não saíram das garagens por falta de combustível. A informação é do secretário da presidência do Sintetro, Francisco Sousa. Em visita à garagem do consórcio Therezina, ele disse ter sido informado que estava faltando óleo diesel para abastecer aos veículos das três empresas que paralisaram.

Da Redação

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Banca de Jornal

Propaganda