Conecte-se conosco

    Cidades

    Procon e Imepi fiscalizam a redução do preço da gasolina em Teresina

    Publicado

    em

    Procon e Imepi fiscalizam a redução do preço da gasolina em Teresina

    O Procon (Programa de Defesa do Consumidor e o Imepi (Instituto de Metrologia do Piauí (Imepi) realizaram nesta terça-feira (20) fiscalização nos postos de combustível de Teresina para verificar se os estabelecimentos já estão vendendo gasolina mais barata após a redução do ICMS para 18% no Piauí.

    O Procon e o Imepi já fiscalizaram 24 estabelecimentos em vários bairros de Teresina.

    O diretor-geral do Procon, Arimateia Dantas, informou que as irregularidades encontradas nas notas fiscais de alguns postos em Teresina.

    “A gente constatou que no cupom fiscal, onde eles colocariam 18% ainda está 31% na alíquota do ICMS como se o governo ainda estivesse arrecadando esse valor. Essas notas fiscais não estão vindo com informação clara ao consumidor, muito embora os postos já tenham reduzido o valor da gasolina. O consumidor não está pagando mais, só a informação na nota que está equivocada. Esses postos foram notificados e terão 15 dias para apresentar suas defesas”, relata Arimateia.

    Conforme o Procon, o preço cobrado pelo litro da gasolina tem variado de R$ 5,94 a R$ 6,09, o que, segundo o Procon, está dentro da média prevista após a redução do ICMS. Em casos de descumprimento dos valores indevidos, o consumidor pode fazer denúncia pelos canais oficiais do Procon nos telefones: (86) 98162-8247, (86) 98190-7983, (86) 98195-5177 e (86) 98122-4746. Denúncias também podem ser feitas pelo e-mail: atendimentoprocon@mppi.mp.br.

    Da Redação

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular