Conecte-se conosco

    Cotidiano

    Teresinenses fazem fila para abastecer antes do reajuste nos postos de combustível

    Publicado

    em

    Teresinenses fazem fila para abastecer antes do reajuste nos postos de combustível

    Teresinenses lotaramos postos de combustíveis em Teresina na tentativa de abastecer antes do reajuste que foi anunciado nesta quarta-feira (10). Mas muitos postos já fizeram a mudança nos preços, que ultrapassa os R$ 8, mas ainda deve aumentar.
    Sobre o reajuste

    Reajuste
    A Petrobras anunciou que vai aumentar a preço da gasolina em 18,7%, o diesel em 24,9% e o gás de cozinha em 16%. A notícias assustou os consumidores, que já sentem na pele a alta nos preços.
    O que chama a atenção em Teresina é que os valores dos combustíveis já haviam sido aumentados de forma arbitrária nos postos, o que causou uma grande revolta, mas nada foi feito efetivamente para reversão.

    Com esse novo reajuste da Petrobras, os postos vão aumentar aumentar o preço dos combustíveis, gerando um ‘aumento do aumento’. A gasolina pode passar dos R$ 8,30 e o gás de cozinha dos R$ 130.

    “Esse movimento da Petrobras vai no mesmo sentido de outros fornecedores de combustíveis no Brasil que já promoveram ajustes nos seus preços de venda”, afirmou a companhia.

    Apesar da disparada dos preços do petróleo e seus derivados em todo o mundo, nas últimas semanas, como decorrência da guerra entre Rússia e Ucrânia, a Petrobras informou que decidiu não repassar a volatilidade do mercado de imediato, fazendo monitoramento diário dos preços de petróleo.

    “Após serem observados preços em patamares consistentemente elevados, tornou-se necessário que a Petrobras promova ajustes nos seus preços de venda às distribuidoras para que o mercado brasileiro continue sendo suprido, sem riscos de desabastecimento, pelos diferentes atores responsáveis pelo atendimento às diversas regiões brasileiras: distribuidores, importadores e outros produtores, além da Petrobras”, disse o comunicado.

    Da Redação

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular