Conecte-se conosco

Política

Ministro Ciro Nogueira confirma novo trecho da Transnordestina no Piauí

Publicado

em

Ministro Ciro Nogueira confirma novo trecho da Transnordestina no Piauí

O ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, informou nesta quinta-feira (2) que o Piauí terá um novo trecho da Ferrovia Transnordestina. De acordo com Ciro nogueira, o a linha férrea vai ligar o município piauiense de Curral a Suape, no Pernambuco.

“O Piauí vai contar com um novo trecho da Transnordestina que irá potencializar o desenvolvimento do nosso estado. Participei hoje no Palácio do Planalto do lançamento do programa Pro-Trilhos, em que foi formalizado o pedido de autorização para construção da linha férrea que vai ligar o município piauiense de Curral Novo à cidade de Suape, no Pernambuco”, explica.

Ciro Nogueira confirmou que o trecho piauiense será de 717 km, com investimentos de R$ 5,7 bi.

“Ao todo, o trecho terá 717 km de extensão, com investimento privado de 5,7 bilhões, realizado pela empresa Planalto Piauí Participações. A conquista é fruto da Medida Provisória 1065/2021, editada nesta semana pelo governo federal, que permite a construção de ferrovias pelo novo regime de autorização. Agradeço o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, por mais esse benefício”, destaca.

Pro-trilhos
O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, assinou nesta quinta-feira (2), em cerimônia no Palácio do Planalto, os requerimentos para 10 novos projetos ferroviários, já com base nas regras da medida provisória (MP) 1065/2021, editada no início da semana. O texto permite a construção de novas ferrovias por meio de autorização simplificada, sem necessidade de leilões de concessão. O evento contou com a presença do presidente Jair Bolsonaro, de ministros, parlamentares e outras autoridades. Ministro Ciro Nogueira confirma novo trecho da Transnordestina no PiauíMinistro Ciro Nogueira confirma novo trecho da Transnordestina no Piauí

Ao todo, os pedidos de construção de novas ferrovias abrangem 3,3 mil quilômetros (km) de trilhos, com investimentos previstos em R$ 53 bilhões ao longo dos próximos anos. As novas ferrovias vão cortar cidades de nove estados: Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Piauí e São Paulo.

Da Redação

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Banca de Jornal

Propaganda