Conecte-se conosco

    Política

    João Doria anuncia saída do PSDB

    Publicado

    em

    João Doria anuncia saída do PSDB

    O ex-governador de São Paulo, João Doria, anunciou, hoje, que formalizou sua desfiliação do PSDB após 22 anos no partido. Em nota e publicação nas redes sociais, ele disse ter “cumprido sua missão” na política.

    “Encerro minha trajetória partidária de cabeça erguida”, declarou. ” Com minha missão cumprida, deixo meu agradecimento e o firme desejo de que o PSDB tenha um olhar atento ao seu grandioso passado em busca de inspiração para o futuro.”

    Em maio deste ano, Doria desistiu de se candidatar à Presidência, atendendo a pressões internas do partido. Apesar de o paulista ter vencido as prévias tucanas contra o ex-governador do Rio Grande do Sul Eduardo Leite, a cúpula da legenda decidiu que apoiaria Simone Tebet (MDB) no primeiro turno das eleições, com a senadora Mara Gabrilli (SP) como candidata a vice.
    A percepção do partido era de que o ex-governador estava estagnado nas pesquisas, pontuando entre 2% e 5%. Tebet terminou o primeiro turno em terceiro lugar, com 4,16% dos votos.
    Voto nulo no segundo turno. Logo após o primeiro turno das eleições, Doria afirmou em entrevista ao UOL que não irá apoiar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nem o atual mandatário, Jair Bolsonaro (PL). ‘[Não vou] nem de Lula, nem de Bolsonaro”, disse. “O meu voto será o da neutralidade. Meu voto será nulo. Não faço ataques nem a um lado, nem ao outro.”

    No mesmo dia, Rodrigo Garcia (PSDB), vice de Doria e candidato derrotado à reeleição pelo governo de SP, anunciou apoio a Tarcísio de Freitas (Republicanos), na esfera estadual, e a Bolsonaro, na federal. Ao jornal Folha de S. Paulo, Doria disse que discorda, mas respeita a posição de Rodrigo.

    Doria chegou a fazer campanha para Bolsonaro em 2018. Os dois se desentenderam após o surgimento da pandemia de covid-19. Enquanto o presidente criticava as medidas para conter a doença, o então governador de SP capitaneava a iniciativa para trazer a vacina CoronaVac para os paulistas.

    Em 2021, ele disse que estava “amargamente arrependido” de ter apoiado Bolsonaro. “Não tenho compromisso com o erro. Foi um enorme erro, meu e de milhares de brasileiros. Nós temos um governo que de liberal só tem o discurso. É uma tristeza para o Brasil”, afirmou

    Presidente do PSDB deseja boa sorte
    Em nota, o presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, desejou boa sorte a Doria: “O ex-prefeito e ex-governador João Doria tem uma extensa folha de serviços prestados a São Paulo e ao Brasil. Trouxe a vacina que salvou milhares de vidas, fortaleceu o Estado com obras e boas ideias colocadas em prática. Boa sorte em seus novos projetos”.

    Araújo saiu da campanha de Doria em abril deste ano e expôs publicamente a desavença com Doria, com publicação nas redes sociais dizendo estar aliviado ao deixar o cargo.

    Fonte: Folhapress

    Propaganda
    Clique para comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Propaganda

    Banca de Jornal

    Propaganda

    Popular