Conecte-se conosco

Cidades

Cobertura do estádio Ytacoatiara desaba após forte chuva em Piripiri

Publicado

em

Parte da cobertura do Estádio Ytacoatiara, em Piripiri, no norte do Piauí, desabou na tarde de sexta-feira (8), após chuva que caiu na cidade. As placas de metal que servem de cobertura do setor de cadeiras do estádio acabaram arrancadas durante a chuva.

O estádio abriga os jogos oficiais do 4 de Julho, campeão piauiense de 2020 e está classificado para a Copa do Brasil de 2021.

Com informações do portalsemfronteiras
Foto: portalsemfronteiras.com.br

Cidades

HUT destaca protagonismo feminino entre profissionais de saúde

Publicado

em

As mulheres são a principal força de trabalho da saúde, representando 65% de profissionais ocupados no setor público e privado. O dado é baseado no último Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e o Piauí aparece em destaque como único Estado onde as mulheres são maioria em cargos gerenciais, cerca de 53% revela o estudo: Indicadores sociais das mulheres no Brasil também do IBGE.

Neste 08 de março, Dia Internacional da Mulher, o Hospital de Urgência de Teresina (HUT) destaca o protagonismo feminino e suas experiências exitosas no Hospital.

A coordenadora do serviço de Fisioterapia, Daniela Vieira, é um desses exemplos, para ela “Quando temos amor pelo que fazemos nos tornamos mais humanos, olhamos para os pacientes como um ser completo que necessita além da nossa expertise técnica, de empatia, de palavras de incentivo e fé, pois a recuperação começa no momento que se quer isso pra si”.

O carinho que recebemos dos nossos pacientes nos motiva todos os dias. Andreza Sobral, também fisioterapeuta, desenvolveu a forma mais grave da Covid-19, foram dias difíceis, mas superados com a ajuda da equipe do HUT. “Jamais vou esquecer o que vocês fizeram por mim, eu não tinha noção do quanto vocês lutaram por mim até acordar e ver todos (médico, enfermeiras e fisioterapeutas) vibrando de alegria, ligando para minha família para comemorarmos, além da linda e emocionante surpresa na minha alta”. Publicou Andreza na sua rede social.

As restrições sanitárias devido à pandemia impõem novas formas de celebrar datas importantes, para Viviane Alves, responsável pela Unidade de Educação Continuada (UEC), “Mesmo com o distanciamento social, o importante é reforçar laços de afeto e criar maneiras de se fazer presente. Já que vivemos o “momento das lives” vamos usar esse recurso para conversar não só com os servidores do HUT, mas para toda a sociedade”.

A Unidade de Educação Continuada, responsável pelo evento “HUT Live Talks”, convidou o Psicólogo Eduardo Moita, especialista e mestre em saúde mental coletiva para ser o facilitador do tema: A mulher de destaque não precisa ser “uma Mulher Maravilha”.

Eduardo cita que “É preciso reverberar o papel social da mulher, que muitas vezes têm tripla jornada de trabalho e ela já entende isso, por isso é importante o homem também entender e colaborar com essa adequação social. O homem tem obrigação (e não favor) de dividir tarefas, e refletirmos sobre o nosso comportamento para com a mulher, porque tudo na vida acontece por mudança cultural e mudança cultural acontece por processo educacional”, finalizou.

Em parceria com o Conselho Regional de Enfermagem – Coren-PI, a enfermeira, chefe de núcleo da Fundação Municipal de Saúde, Roberta Berté abordará sobre: Mulheres líderes na área da saúde: conquistas e desafios. “A mulher tem uma capacidade de enxergar o diferente e traz uma riqueza muito grande para o sistema de saúde”, explica Roberta.

O primeiro “HUT Live Talks” será mediado pelo enfermeiro do HUT e coordenador de comunicação do Coren-PI, Wendel Marcos. As discussões dos temas ocorrem às 10h e às 19h30 desta segunda-feira, 08/03 no instagram: @HospitaldeUrgenciadeTeresina.



Fonte: Ascom/HUT

Continue lendo

Cidades

Pico da pandemia no Piauí será em abril, segundo estudo da Universidade de Washington

Estudo revela que estado pode ter 45 mortes diárias no auge da covid-19 em abril

Publicado

em

Pico da Pandemia no Piauí deve ser em Abril, mostra Universidade de Whasington

Com informações do Jornal Diário do Povo

Estudo do Instituto de Métricas e Avaliação de Saúde (IHME), centro independente de pesquisa em saúde global da Universidade de Washington, aponta para 7 de abril o pico da pandemia no Piauí. Segundo a projeção de dados, seria nessa data que o estado atingiria o maior número de mortes diárias por covid-19.

A projeção do IHME era de que o Piauí atingiria 3.446 óbitos pela doença no dia 7 de março. Os dados deste dia divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (SESAPI) registraram 3.485 mortes por covid-19 em território piauense, 39 a mais do que a projeção da Universidade de Whasington. O estudo tem mantido um grau de acertividade e a projeção para os próximos três meses é assustadora.

Pico da pandemia no Piauí teria 45 mortes diárias no pior cenário

Para o dia 7 de abril, o estudo projeta 35 mortes diárias no Piauí – neste caso, o levantamento considera a ampliação da vacinação e apenas a variante B.1.1.7, sem condierar a variante P.1, de Manaus, que se espalha pelo país. No pior cenário, seriam 45 óbitos por covid-19 em 24 horas.

Haveria, segundo o IHME, uma queda signficatica de vítimas no Piauí a partir do dia 01 de julho, quando o número de mortes em decorrência da doença caia para 4 em um dia. Até lá, o Piauí teria acumulado 5.565 óbitos.

A análise dos números revela que só nos próximos três meses a covid-19 mataria no Piauí quase 60% o número de vítimas total dos últimos doze meses de pandemia. Em 28 de março de 2020, desde que registrou a primeira morte por covid-19, o estado aculumou 3.485 vítimas fatais. Neste próximo trimestre seriam 2.080 mortes.

Continue lendo

Cidades

Covid-19: Idosos de 90 anos ou mais devem tomar segunda dose da vacina nesta terça

Publicado

em

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) estará aplicando amanhã (9) e quarta-feira (10) a segunda dose da vacina contra a Covid-19 voltada aos idosos de 90 anos ou mais. A imunização acontece das 9h às 17h em cinco pontos de drive thru e nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) mediante agendamento prévio no site da FMS.

A gerente de ação estratégicas da FMS, Ayla Calixto, explica que as datas foram escolhidas respeitando o intervalo de 28 dias após a aplicação da primeira dose, que aconteceu nos dias 9 e 10 de fevereiro. Os postos de vacinação drive thru estarão funcionando nos seguintes locais:

1 – Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Pirajá;

2 – Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, São Pedro;

3 – Na Zona Leste-ADUFPI – Av. Universitária, 391, Ininga;

4 -Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos.

5 – UNINOVAFAPI – Rua Vitorino Orthiges Fernandes, 6123, Planalto Uruguai.

Ayla Calixto lista os documentos obrigatórios que devem ser trazidos pelos idosos: “Para garantir sua dose, é preciso que o idoso apresente um documento de identificação com foto e a data de nascimento para a comprovação da idade, CPF ou Cartão SUS e cartão de vacinação com o registro da primeira dose”, diz a gerente.

Já aqueles que não puderem se dirigir aos pontos de drive thru podem procurar alguma das UBS do município, com agendamento prévio no site http://vacinaja.fms.pmt.pi.gov.br/ . “Caso o paciente não tenha acesso à internet, ele pode se dirigir à UBS mais próxima de sua casa e solicitar o agendamento no SAME (setor de marcação de consultas) da unidade”, esclarece Ayla Calixto. As pessoas podem ver as instruções de como se cadastrar através do link https://fms.pmt.pi.gov.br/instrucoes-vacine-ja.

A gerente explica ainda que, para a segunda dose dos idosos acamados, as equipes de vacinação irão até as casas, de acordo com o intervalo específico para a data da sua primeira dose.

A estimativa da Fundação de Saúde é que um total de 2.460 idosos com mais de 90 anos sejam imunizados. Na primeira etapa da vacinação, 1.848 pessoas desta faixa etária foram imunizados nos pontos de drive thru, sendo os demais pacientes acamados que receberam a primeira dose em casa.

Fonte: Ascom/PM

Continue lendo

Popular